Preencha os campos
abaixo e ENVIE SUA PERGUNTA:

[[contato.title]]

[[contato.message]]

Como se alimentar bem e se refrescar nas estações mais quentes do ano

Verão chegando a todo vapor, e com isso precisamos incluir alimentos mais refrescantes para manter uma boa hidratação, saúde e qualidade para nosso corpo, sem esquecer de melhorar nossa saúde cerebral que é fundamental para termos boas memórias do verão e prolongar a qualidade de vida.

Alguns alimentos são ricos em nutrientes específicos para saúde cerebral, inclua diariamente algum desses alimentos para estimular sua memória e cognição:

  • Consuma vegetais verdes escuros, grãos, raízes e iogurtes diariamente, eles são ricos em zinco, magnésio, ferro e fósforo que cooperam para manter o cérebro ativo.
  • Inclua mais azeite, abacate, frutas vermelhas para garantir boa quantidade de antioxidante e vitamina E que combatem o estresse do corpo e previnem o envelhecimento precoce.
  • Aposte nas frutas in natura, principalmente as cítricas que são ricas em vitamina C, responsável por manter a imunidade em alta além de ter ação antioxidante melhorando a saúde cerebral.
  • Peixes, chia, linhaça e abacate possuem ômega 3, que é responsável pelo bom funcionamento do coração, melhora do fluxo sanguíneo do organismo, além de ser considerado um anti-inflamatório para o cérebro.
  • As oleaginosas (castanhas), banana, carnes magras, e aveia contém triptofano um aminoácido que atua no sono e melhora a performance cerebral protegendo as células cerebrais.
  • Consuma chá verde e café diariamente. A cafeína presente aumenta a disposição e humor além de estimular o sistema nervoso central do cérebro.
  • Consuma um chocolate de boa qualidade (acima de 70% de cacau) com moderação, ele previne o envelhecimento prematuro das células do cérebro.

Todos esses alimentos tem a capacidade de ajudar a reduzir e melhorar as funções do cérebro. Pequenas mudanças, grandes resultados.

Referência

1. .ORTEGA, F. Neurociences, neuroculture and cerebral sef-help. Interface – Comunic., Saude, Educ., v.13, n31, p.247-60, out./dez. 2009.

2. SHAMI, N. J. et. al. Licopeno como agente antioxidante. Rev. Nutr. vol.17 no.2 Campinas Apr./June 2004.

3. MÉNDEZ Filho JD, Rodríguez HGR. Sobre los benefícios de los radicales libres. Rev Med IMSS 1997; 35(4):309-13.

Veja também:

Como alguns nutrientes ajudam na saúde do cérebro

Como alguns nutrientes ajudam na saúde do cérebro

Influência da dieta no desenvolvimento do Alzheimer. Quais alimentos evitar?

Influência da dieta no desenvolvimento do Alzheimer. Quais alimentos evitar?

Dieta MIND: reduz o risco para o desenvolvimento de Alzheimer

Dieta MIND: reduz o risco para o desenvolvimento de Alzheimer